Pai convida padrasto da filha para levá-la juntos ao altar no seu casamento

Essa história me emocionou muito! Talvez muitas noivas tenham se identificado também.

Meus pais são separados e cada um construiu uma nova família quando eu ainda era criança. Meu padrasto era muito legal, quando eu estava na casa dele, ele me considerava como filha (talvez consideresse assim mesmo quando eu não estava rsrsrs). Ele era sério, mas era gente boa, muito gente boa mesmo, daqueles que ajudam a todo mundo.

Meu padrasto faleceu em 2010, mas permanecem as boas lembranças dele. E por isso esse post muito me emocionou. Por morarem em cidades diferentes, poucas vezes meu pai conversou com meu padrasto, mas sempre conversaram amigavelmente, o que também achava muito bacana.

E fiquei muito feliz por essa noiva ter tido a oportunidade de ser conduzida por seu pai e seu padrasto até o altar! 

A história retirei do site Razões para Acreditar:

"Uma das cenas mais bonitas de todo casamento é quando o pai, ou a mãe, da noiva, ou do noivo, leva sua filha, ou filho, até a pessoa com quem ele, ou ela, decidiu viver o resto dos seus dias. E a cena é mais linda ainda quando a noiva, ou o noivo, é levado, ou levada, pelos dois pais, ou pelas duas mães.
No caso da americana Brittany Park, ela foi levada ao noivo, Jeremy, pelos dois pais: o pai biológico e o padrasto. As fotos do casamento foram feitas pela fotógrafa Delia Blarkburn, em Ohio, Estados Unidos, e viralizaram na internet, depois de serem publicados no Facebook, no último dia 27.

“Ele me ajudou a criar minha filha e ele deveria estar andando com a gente”, disse Todd Bachman, pai de Brittany, se referindo ao padrasto da filha e xará, Todd Cendrosky.
Bachman tinha tudo planejado semanas antes do casamento de Brittany. No dia da cerimônia, ele surpreendeu a todos ao pegar na mão de Cendrosky para que os dois pudessem compartilhar esse momento especial com a filha.
“Eu sempre quis [levar uma filha] até o altar, e quando me casei com minha linda esposa, Candy, ela me deu três filhas”, disse Cendrosky, que ficou surpreso com a repercussão da história. Eu não tenho “enteadas”… Eu tenho filhas, e quando Todd agarrou a minha mão… Foi o melhor dia da minha vida. Nós nos tornamos uma família e as necessidades das crianças precisam vir em primeiro lugar”, finalizou.
Confira as imagens:

Fotos: Reprodução/Delia D Blackburn Photography
Com informações do MY MODERN ART
Por mais histórias de amor e bondade neste mundo <3

2 comentários:

  1. Nossa Ari, também me emocionei muito quando vi essas fotos... que atitude linda! Demonstra o real significado da palavra família...
    Beijos

    www.casadissima.com.br

    ResponderExcluir
  2. coisa lindA NE?
    FICO ate arrepiada menina rs
    bjos
    http://www.tpmamoretc.com/

    ResponderExcluir

O seu comentário é um incentivo a novos posts. Eles são a maior recompensa por cada pesquisa, cada palavra escrita.
Então...Que tal deixar o seu recadinho? Vou ficar muito feliz em recebê-lo.
Às amigas blogueiras, deixem o link do blog para que eu possa retribuir a visita!
Obrigada!
Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...